Páginas

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Estagnação do Blogue

5 de Dezembro de 2016

A partir desta data todas as notícias serão publicadas no Blogue das Bibliotecas do Agrupamento: 
(http://bespinheiroerosa.blogspot.pt)
(https://www.facebook.com/Bibliotecas-Escolares-do-Agrupamento-Pinheiro-e-Rosa-Faro)


As informações/notícias das Bibliotecas podem ainda ser visualizadas/partilhadas em:


  • BE_EB/JI da Conceição:https://www.facebook.com/Biblioteca-Escolar-da-Conceiçao-de-Faro;
  • BE_EB1 de Vale Carneiros:https://www.facebook.com/Biblioteca-Escolar-de-Vale-Carneiros;
  • BE_EB, 2/3 de Estoi:https://www.facebook.com/Biblioteca-Escolar-Prof.-Amilcar-Quaresma-Estoi
  Atenciosamente      
   A Prof. Bibliotecária: Cidália Teixeira
PQND - Grupo: 200 

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Dia do Patrono: 3 de dezembro

Biografia

Hoje, comemoramos o dia do Patrono da nossa Escola.
Vamos conhecê-lo um pouco melhor!

Augusto Emiliano da Costa nasceu na cidade do Gilão, Tavira, a 3 de dezembro de 1884. Estudou no Liceu de Beja e formou-se em Medicina na Universidade de Coimbra, em 1914. Regressou ao Algarve, a Faro, e foi médico em Estoi até 1954, ano em que se reformou. Aqui viveu com a sua esposa e aqui escreveu a maior parte da sua obra poética.
Através da leitura dos seus poemas percebemos que era um homem sensível, culto e muito observador. Grande apreciador de música e da natureza foi na tranquilidade da vida do campo que encontrou o seu refúgio. Excelente desenhador usou as palavras como se fossem tintas. Através da leitura dos seus versos ficamos a conhecer a tristeza e a dor, a alegria e a jovialidade das gentes algarvias, em suma a Natureza e a vida do Algarve, na primeira metade do século XX.
Emiliano da Costa faleceu a 1 de janeiro de 1968 e está sepultado no cemitério da aldeia.
Na Biblioteca da nossa Escola existem alguns livros deste poeta algarvio que encontrou a sua inspiração na luz, na cor, na terra, no mar e nas gentes do nosso Algarve e, particularmente, nas de Estoi.
  
Sobre Tavira escreveu:                              Sobre Estoi compôs:

Saudades da Minha Terra                           Ingénua, alegre e fresca, ao ar lavado,
Como eu ninguém as sentiu:                       Com a rosa do sol no penteado,
- Na alma, casinhas brancas;                     Como é bela, ao domingo, a minha Aldeia!
- Nos olhos, água do rio…

Obras do Autor:

Heliantos (1926)                    Relampos (1943)                  Poesias Escolhidas (1956)
Phlogistos (1931)                   Pampilhos (1949)                 Asas (1957)
Rosairinha (1940)                  Cânticos e Toadas (1952)     Fialho (1957)

Elitos (1941)                         Apontamentos (1954)          Intimidade (1961)

Dia do Patrono: 3 de dezembro

Ler Ouvir e Contar:
O cenário está pronto e o diretor Francisco Soares, verificou e deu as sugestões.



Dia do Patrono: 3 de dezembro.

Já falámos dos contos de fadas, mas também há os contos que nos fazem rir. As personagens passam por situações ridículas e caricatas que nos divertem. São estes últimos que escolhemos para apresentar no dia “Dia do Patrono”- 3 de dezembro.


terça-feira, 1 de dezembro de 2015

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Contos de Fadas

Os contos de fadas ocupam lugar de destaque na literatura infantil ocidental. Através de suas histórias, somos transportados para lugares mágicos e secretos.
No entanto, se entramos em um universo de príncipes e princesas, também nos deparamos com dragões, monstros e bruxas. Trata-se de um mundo encantado, cheio de beleza, mas ao mesmo tempo, bastante cruel e amedrontador.
Por que continuamos, então, a ler essas histórias para as crianças? Não deveríamos proteger nossos pequenos das agruras do mundo?
Ora, o medo faz parte da condição humana. Ele está na origem da fantasia e de nossa capacidade de imaginar, e nisso reside, também, o grande fascínio que ele exerce sobre as crianças. Para elas, não interessa um mundo sem conflitos. De forma simbólica, os contos mostram às crianças que a vida é severa e que é preciso enfrentar desafios na passagem para a vida adulta.
Os contos de fadas, com seus monstros e perigos, tranquilizam de certa forma os pequenos com relação aos seus próprios temores. A partir da entrada em um mundo de imaginação e fantasia, crianças encontram um lugar em que, apesar de tudo, o medo pode ser dominado e banido. Isso explica porque elas sempre pedem para que os adultos repitam as histórias.
Para muitos estudiosos, a estrutura narrativa dos contos tem papel importante na formação humana, pois aborda assuntos diretamente ligados às grandes questões de nossa existência, como a coragem, a justiça, a vida, a velhice e a morte, a luta entre o bem e o mal. Na medida em que percebemos que nossos medos são compartilhados com outras pessoas, nos identificamos com a sociedade e a cultura da qual fazemos parte.
Ver mais em: http://www.ebc.com.br/infantil/para-pais/2014/10/por-que-ler-contos-de-fadas-para-as-criancas

terça-feira, 24 de novembro de 2015

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

O Livro da Semana: Versos de Cacaracá

Sinopse
Anda daí e abre a porta a um mundo cheio de cor e de vida, onde irás encontrar miúdos divertidos e animais extrovertidos, barcos a velejar e fardas da cor do mar, peixinhos pouco simpáticos e pescadores sorumbáticos, burros motorizados e ratinhos assustados, pinceladas de Sol e golpes de anzol, insetos que tocam rabecão e um cação resmungão, animais que formam casais e muitas coisas mais.
Vem conhecer este mundo nestas histórias contadas em verso e com a mestria das palavras de António Manuel Couto Viana e a alegria das imagens de Vasco Gargalo.

terça-feira, 10 de novembro de 2015

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

EB1 de Estoi visita a Biblioteca

Hoje vamos à biblioteca escolar da Escola Poeta Emiliano da Costa. 
A prof. Cidália Teixeira acompanhou-nos e vai contar-nos um conto:
Regressamos felizes e contentes. Vimos amigos grandes e familiares, Alguns encontraram manos, avós, tias e primos. Requisitamos livro e ouvimos os seguintes contos:
  • 1º ano - A ovelhinha preta
  • 2º ano - A história da carochinha
  • 3º ano -  O gato das botas

terça-feira, 27 de outubro de 2015

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Imagem da Semana:Leituras Felizes


20 de outubro: Dia Internacional da luta contra o Bulling

Bullying:  é um anglicismo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos, causando dor e angústia e sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder.

Imagem da Semana:Leituras Felizes


sexta-feira, 16 de outubro de 2015

16 de outubro: Dia Mundial da Alimentação

No dia mundial da alimentação foram realizada diversas atividades na escola e a Biblioteca Escolar associando-se à efeméride expôs as monografias que a essa temática dizem respeito. 

terça-feira, 13 de outubro de 2015

domingo, 11 de outubro de 2015

16 de outubro: Dia Mundial da Alimentação

 
As Histórias do pão (panite)
As "Histórias do Panite"  foi uma dramatização promovida pela Direção Regional de Cultura do Algarve, no passado dia 16 de outubro, nas Ruínas Romanas de Milreu.
Tratou-se de uma peça de teatro infantil "Projeto novas descobertas" e foi destinado às Turmas do 5º B e 5º C, no âmbito  do "Dia mundial da Alimentação" com a duração de 45 minutos:



terça-feira, 6 de outubro de 2015

Imagem da Semana:Leituras Felizes,



Outubro:Mês Internacional das Bibliotecas Escolares

 Outubro deixa as bibliotecas escolares em festa. Até porque "A Biblioteca Escolar é Super"

segunda-feira, 5 de outubro de 2015